sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Governo diz que saúde do Acre esta pronta para nova fase

Governo investe R$ 10 milhões na transformação do prédio do antigo Banacre em sede do sistema de saúde.

 O prédio, antes ocupado pelo extinto Banco do Estado do Acre, recebeu obras de reforma e revitalização que custaram, neste governo, R$ 7.593.000,59 - tudo em recursos próprios do Tesouro Estadual, transformando completamente 7.642,72 metros quadrados. Em sua atual concepção, o edifício contempla toda a parte gerencial da Sesacre, reunindo os gestores em um só espaço, o que facilita a comunicação e o trabalho. "Além disso, possui ambientes extremamentes adequados ao serviço, as pessoas estão confortavelmente instaladas", disse Osvaldo Leal. Sobretudo, destacou ele, potencializou-se a política de atendimento ao cidadão ao se criar espaços específicos para acolhimento do público tanto externo quanto interno.
Para o governador Binho Marques, a entrega do prédio é o símbolo dos êxitos e avanços da saúde acreana. "Vamos chegar ao final do ano com o melhor sistema de saúde da Amazônia. A saúde vai ser um grande sucesso", disse.  

Agencia de noticias do Acre


Não a como negar de quer se trata realmente de um excelente estrutura, que segundo o secretario de saúde do estado, tudo isso será voltado para uma politica de acolhimento em espaços específicos e de qualidade para o bom atendimento ao cidadão. Lembrando aqui nesta espaço, que o risco da atual politica do governo no seguimento da saúde, pode ser o mesmo que acontece no setor da educação, como também em outros organismos. Na educação não ha como negar que houve a construção de novas escolas, como também a reestruturação de outras,  com quadras de esporte, auditórios, ambientes e espaços adequados para educação do aluno. E isso e bom para o Acre. Mais isso não garantiu uma qualidade por definitivo no processo de educação disciplinar do aluno, se a problemática da educação esta ligada também a questão dos trabalhadores , como também da qualidade de cada um deles. Mais isso e outra questão. 

Penso que a solução de muitas questões polemicas ligadas a saúde, não passa somente  pelo invertimentos em grandes obras do setor, mais também pelo investimento transformação e habilitação, em especial de pessoas ligadas  a  frente de trabalho na saúde publica, além do cumprimento das politicas ou normas previstas em lei,  voltadas para o bom atendimento clinico dispensado principalmente pela classe medica, como também do administrativo dos hospitais do estado. Ai vem a tona a grande questão e polemicas também. Poucos médicos, super lotação das unidade de saúde, as grande filas para pegar fichas nas madrugadas que ainda continua, principalmente nos postos de saúde.  O agendamento de cirurgias marcadas para longas datas, ainda continua. E quando o assunto e TFD nem si fala. Gostaria de neste espaço da uma beliscada nos órgãos de fiscalização. O que se tem visto falar e que os médicos não cumprem seus horários como previstos em lei. Tem medico que e pra começar seu atendimento meio dia, e chega somente 3 horas da tarde no setor de atendimento publico. Enquanto isso o usuário do sistema, de uma estrutura grandiosa como esta inaugurada recentemente pelo governo morre de esperar, e ninguém faz nada. Como na educação ou em qualquer outro seguimento  administrativo do estado, não precisamos somente de grandes estruturas como esta, mais e necessário   também um investimento do governo na melhoria e precisão deste atendimento dispensado a população. 

O LACEN, (Laboratório Central de Saúde) e um exemplo vergonhoso para o setor. A pessoa que queira fazer um exame tem que chegar 2 ou 3 horas da madrugada e aguardar na fila, isso para ser atendido 8 da manhã. Tumulto mesmo no LACEN, acontece quando o usuário se dirige até o local para pegar o resultado de um exame. Geralmente eles entregam os resultados dias depois pela parte da tarde. Ali acontece outra aglomeração de pessoas que passam uma tarde toda, para somente pegar o resultado de um exame.   Um exame leva até 60 dias para ficar pronto. Um exame simples, como de urina ou sangue o paciente leva de 15 a 20 dias para receber o resultado. Apesar de grandes estruturas o governo precisa olhar para pontos importantes como estes, que fazem uma diferença muito grande para cada cidadão acriano que procura o sistema publico de saúde.      

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Câncer de mama: Acre é excelência em atendimento de mamografia no país

 Acre é excelência em atendimento de mamografia no país. Inca recomenda que resultado de mamografia saia em até 60 dias.  No estado, exame fica pronto em no máximo 15 dias.
O Instituto Nacional de Câncer (Inca) divulgou na última sexta-feira (15), novas recomendações para reduzir a mortalidade por câncer de mama no país.
Entre as novas estratégias, a entidade sugere que toda mulher com nódulo no seio tenha direito a receber diagnóstico no prazo máximo de 60 dias. Hoje em dia não existe tempo de espera definido para o resultado, mas no Acre, esse diagnóstico fica pronto em no máximo 15 dias.
Segundo o secretário de saúde Osvaldo Leal, “com a aquisição de dois novos aparelhos de mamografia e as campanhas voltadas principalmente para as mulheres na quarta década de vida, tem evitado que as acreanas venham a óbito causado por câncer de mama em nosso estado”, comemora.
O câncer de mama é o que mais mata mulheres no Brasil. Segundo o Inca, isso acontece porque a doença é confirmada quando já está em estágio avançado.
No país, são 11 mil mortes causadas por câncer de mama todo ano. Entre as mulheres, a doença representa cerca de 2,5% de todos os óbitos, segundo o Inca. No entanto, em mortes por câncer, o câncer de mama é o principal causador de mortes.
Por isso, o Inca recomenda que mulheres entre 50 e 69 anos de idade devem fazer mamografia a cada dois anos.
Este rastreamento mamográfico para mulheres nessa faixa etária é parte importante da estratégia recomendada pelo Ministério da Saúde para o controle do câncer de mama.
Osvaldo Leal disse ainda, que “essa melhora no atendimento e a agilidade no diagnóstico da doença, é um ponto fundamental para que o câncer seja tratado ainda no início e assim dê mais chances de vida para a paciente que vai ter o câncer curado mais rápido. Eu estou muito feliz e posso dizer que hoje o Acre é excelência em atendimento oncológico no país” disse.
ac24hroas 

Lembrando ainda a respeito desta matéria do portal ac24horas, e apesar de alguns elogios dado a saúde do estado do Acre. A verdade e que muitas mulheres tem  ainda que  se deslocar de seus municípios no interior do estado, para virem até a capital fazer uma mamografia. E nas regiões onde tem hospitais com mamógrafos, o aparelho esta sempre quebrado ou si da algum outro tipo de problema o estado demora meses para o concerto. A um tempo atrás  estava quebrado o aparelho de mamografia do Centro de Tratamento Oncológico, isso aqui em Rio Branco. Dai que muitas mulheres vinham até o CECON atrás de uma mamografia já com data marcada, e não realizavam o diagnostico, devido  problemas no aparelho, e somente davam viajem perdida até Rio Branco. O poder publico e nem ninguém fazia nada, sem falar que o estado demorou um tempo enorme para o concerto do aparelho. Se todos os hospitais do estado tivesse um mamógrafo, e quando preciso o estado providenciasse concerto rápido, ficaria bem melhor para todas as mulheres e para o Acre.

Impasse

 Celina Ferreira, (37), dirige ônibus desde os 24 anos - E atual presidente do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Transporte coletivo da Cidade de Rio Branco. Eleita com 154 pontos de vantagem a chapa concorrente a sua.  



Na verdade  o que garante a autonomia e total independência da sindicalista e de seus membros, e exatamente sua garantia permanente no emprego, isso de forma incondicional independentemente da luta e da causa que a mesma defende. Não e isso que esta acontecendo com a presidente do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Transporte coletivo da Cidade de Rio Branco. Recentemente conversava com ela, a mesma me dizia que a situação não esta das melhores, já que a empresa com base em uma ordem judicial demitiu ela e toda sua diretoria.
A mesma disse que irá travar uma briga na justiça até as ultimas consequências para ser readmitida de volta a empresa que trabalhou a vários anos.  
Nessa luta a sindicalista Celina Ferreira, conta com o apoio da CTB, Central dos Trabalhadores do Brasil, e o presidente do Sindicato dos Urbanitarios, Marcelo jucá, dentre outras instituições da sociedade civil que apoiam a luta em apoio a sindicalista demitida. Ontem essas instituições fizeram um protesto em frente o terminal urbano como forma de aviso a prefeitura e as empresas caso a sindicalista não seja readmitida de volta. 

Conversava sempre com o Marcelo Jucá presidente do Sindicato dos Urbanitarios ele me dizia que sempre vinham fazendo reuniões junto a prefeitura, e a equipe de articulação politica do prefeito que prometiam trazer uma solução positiva e pacifica para esta causa. Pelo jeito o Dialogo feito através da prefeitura não deu muito resultado. Mais uma prova ai de quem manda realmente são os donos das empresas, que continuam devendo muito a população acriana. Para próxima semana o movimento sindical promete retomar uma serie de protesto, inclusive ameaçam para o sistema de transporte coletivo com apoio dos estudantes, caso a sindicalista não seja readmitida na empresa.             

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Desafio

Para o ano de 2011 o novo governo eleito do estado do Acre tem grandes desafios a ser enfrentado em todo o estado, e em vários setores e seguimentos que requer mudanças cruciais na administração do estado a seu modo de ver a sociedade e as mudanças nas organizações publicas. E quando penso em mudanças falo no tão esperado desenvolvimento que precisamos e esperamos a cada época que passa. E tudo depende muito da forma de como os gestores públicos vêem a sociedade e suas organizações com a finalidade de alcançar uma melhor qualidade de vida acesso a justiça ou pelo menos uma boa distribuição de justiça para todos. O verdadeiro compromisso desses candidatos que elegemos democraticamente a cada quatro anos em nosso estado e de muita importância  para o nosso futuro, como também para o futuro de muitos outros que nascerão e terão um futuro pela frente. Por isso esta sobre a responsabilidade do estado forma o cenário de um futuro com dignidade e melhor para todos. Pois esta  também sobre  a responsabilidade dos parlamentares que elegemos, fiscalizar, orientar, discutir elaborar e aprovar leis que garantam dignidade, respeito, qualidade de vida e segurança dentre muitos outros direitos a sua excelência o cidadão. Quando falo de sua excelência o cidadão, aqui no Acre para este novo ano que se aproxima, o novo governo terá sobre seus ombros uma responsabilidade igual a de outros governos que passaram. Pois vemos que muitos problemas relacionado a dignidade das pessoas não foram ainda solucionados, e muitos desses problemas  quando olhamos para o futuro, vemos que á perspectiva de poucas mudança. Como por exemplo a questão relacionada ao idoso, dependentes químicos, violência contra mulher, saúde, segurança,  sistema penitenciário, e outras questões cruciais relacionada a questões importantes como a questão da moradia, infraestrutura saneamento básico, acesso a justiça, educação, esporte lazer, cultura, meio ambiente, transporte coletivo, dentre muitas outras áreas. Lembrando ainda aqui neste espaço, que o Acre tem um dos índices mais baixo, quanto o assunto e (IDH) Índice Desenvolvimento Humano. E apesar das grandes obras construídas no estado que eles chamam de desenvolvimento, mais que isso tem sua contribuição também para mudanças importantes  no cenário social da cidade, vivemos ainda diante de muita pobreza, a fome e a miséria ainda faz parte do dia a dia do Acriano. E pelo meio das ruas das cidades vemos ainda muitos mendigos, bêbados, e crianças pedindo esmolas ou trabalhando no lugar de estar na escola, são pessoas sem rumo e esperança nenhuma na vida e no poder publico. Vemos  ainda grandes filas nos hospitais e postos de saúde.  Vemos ainda esgotos a céu abertos caindo dentro do rio que banha nossa cidade. Vemos  ainda números assustadores relacionado a violência. Vemos ainda nossos jovens  serem recrutados pelo trafico de droga. Vemos ainda nossos jovens lotarem delegacias e presídios. E temos ainda um nível muito alto de desigualdade social, entre ricos e pobres. Que para 2011 o novo governo assuma a responsabilidade de olhar com mais sensibilidade questões ligadas a dignidade  e a cidadania de cada cidadão acriano, tendo como foco principal o respeito aos Direitos Humanos e a vida incondicional.                     

sábado, 9 de outubro de 2010

O presidente da OAB Florindo Poersch cometeu dois imaturos erros no processo eleitoral de 2010, com consequências desastrosas para a sua imagem, que findou atingindo, lamentavelmente, também, a boa fama que desfruta a instituição que ele representa.
O primeiro erro: andar pra cima e pra baixo com Tião Viana, candidato do PT a governador do Acre, como se fosse um vassalo do poder.
O segundo erro: tomar partido na briga entre Demóstenes Nascimento e João Correia, em favor de Demóstenes Nascimento.
Em relação ao primeiro erro: isso é um indigno atentado a independência política da OAB e as nossas tradições históricas, uma afronta a consciência jurídica da classe dos advogados.
Em relação ao segundo erro: foi em decorrência do primeiro, já que ele está subordinado ao Senador Tião Viana. O presidente da OAB, numa situação como esta, deveria ficar equidistante das partes agindo como um estadista, um defensor da boa convivência democrática, um promotor do aperfeiçoamento institucional.
Se a primeira gestão de Florindo Poerch a frente da OAB trouxe saborosos frutos para a advocacia, a segunda tem sido para nós um motivo de vergonha. Diante desses fatos omitir minha opinião consistiria em trair meu dever profissional.

Do blog do Sanderson Moura 

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Saia justa

Foi o que aconteceu durante a sessão extraordinária do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Acre no domingo (3), destinada à votação de agravo regimental do Ministério Público Eleitoral (MPE) contra uma liminar que deferia mandado de segurança impetrado pelo PT, na tentativa de anular mandado de busca e apreensão do computador do ex-governador e senador eleito Jorge Viana.

A apreensão foi realizada pela Polícia Federal, no sábado (2), por ordem da Justiça Eleitoral, em busca de indícios de suposta corrupção eleitoral do candidato Jorge Viana.

Ex-integrante do governo do PT, tendo concorrido recentemente à vaga de juíza como membro da OAB-AC e sido nomeada pelo presidente Lula, a relatora Arnete Guimarães deferiu o pedido de anulação do mandado de busca a apreensão do computador de Jorge Viana.

O procurador regional eleitoral substituto Paulo Henrique Brito contestou o voto da relatora. Para demonstrar a suspeição de parcialidade da relatora, o procurador apresentou uma prova que deixou o pleno boquiaberto: uma foto tirada pelas câmeras de segurança do prédio da engenheira civil Dolores Nietto, mulher de Jorge Viana, onde aparece Arnete Guimarães entrando de bermuda e sandálias havaianas.

A foto foi capturada por agentes da Polícia Federal e, segundo o procurador, foi registrada 30 minutos antes de Arnete Guimarães decidir a favor do ex-governador.

A sessão extraordinária do TRE foi suspensa para que se julgue a questão de ordem do MPE pela suspeição de parcialidade da relatora.

Jorge Viana pode até conseguir que o mandado de segurança seja deferido e com isso anule a busca e apreensão, mas Arnete Guimarães ficará com a credibilidade afetada para sempre na corte.
 
 
Do blog do Altino Machado